MADRUGADA NA JANELA – Isis de Castro.

with Nenhum comentário

De madrugada abro a janela e me invade “la luna bela” reinando plena sobre o cajueiro imponente. Nem me lembrei que assim é ela pra toda gente… Parecia que se mostrava só para mim, mergulhada na noite pulsante e quente… … leia mais

B E M   V I N D O – Isis de Castro.

with Nenhum comentário

   I Sejas bem vindo, amor! Faz tempo que te espero. Tenho em mim teu suor. Danças comigo um bolero? II Sonha comigo o teu sonho, Deixa-me sonhar-te o meu E enquanto me recomponho Leva-me bem perto do céu! III … leia mais