paixão

Ao som antigo de uma linda cítara

pasmei diante de lembranças vívidas

que me acorreram de forma tão límpida

ao revivê-las num momento mágico.

E a torpeza de uma vida mórbida

abandonou-me de forma esplêndida

ao sentir a paz que se instalou tão tímida

mas ocupando seu espaço máximo.

Então deixei acontecer o óbvio,

viver apenas, sentir este êxtase

do orgasmo que antes era tão longínquo

e de repente se tornou tão próximo…

 link: glub, glub, glub…: http://www.livrariacultura.com.br/scripts/resenha/resenha.asp?nitem=22563821

QUER SABER MAIS SOBRE ISIS DE CASTRO, ACESSE:

Isis de Castro

QUER SABER MAIS SOBRE TEMPO DE ESCOLHA, ACESSE:

Sobre

Comentários

Comentários